Ratinho junior defende que concessionárias de pedágio cumpram os contratos firmados com o governo

Em recente entrevista na TV e em vídeo postado nas redes sociais, o deputado estadual e pré-candidato ao Governo do Paraná, Ratinho Junior, se posicionou firmemente sobre a questão do pedágio no Estado. “Temos que parar de usar o pedágio de uma forma política. Temos que trabalhar essa questão de forma técnica, para o desenvolvimento do estado do Paraná”, enfatizou Ratinho Junior. O deputado lembrou, ainda, que existe um contrato que vai até 2021, onde está estipulado que as empresas tem que fazer as obras, reformas e manutenções necessárias. “Nós temos que obrigar as empresas concessionárias a cumprir esse contrato. Não podemos admitir as empresas não cumprirem o contrato que elas mesmas assinaram junto com o Governo do Estado”, alertou Ratinho.

Licitação Internacional do pedágio

Ao ser questionado sobre o que vai fazer com a questão do pedágio caso seja eleito governador, Ratinho Junior afirma que vai estabelecer uma nova forma de contrato. “Nós vamos fazer uma licitação internacional, para acabar com as amarras regionais. Queremos trazer investimentos do mundo todo para serem aplicados em infraestrutura no Estado do Paraná, finalizou Ratinho.   Veja o vídeo : https://goo.gl/qob3cA

Na STN, Paraná lidera repasse de recursos e investimentos nos municípios

​Os municípios do Paraná são maioria no ranking de financiamentos do Brasil em 2017, segundo a Secretaria do Tesouro Nacional (STN). De acordo com a STN, de 125 operações autorizadas neste ano, 44 atenderam municípios paranaenses – 35,2% do total. As operações de crédito somam R$ 111,6 milhões e representam uma oportunidade de executar obras e investimentos em meio à crise econômica que assola o país.
A integração entre a Fomento Paraná e Secretaria Estadual de Desenvolvimento Urbano (Sedu) e o alinhamento com a política estadual de desenvolvimento favorecem os municípios paranaenses. A Sedu, coordenada por Ratinho Junior, tem o papel de condutora da política pública e o Paranacidade atua como agente técnico operacional. Graças a este trabalho integrado, o Paraná tem se destacado no cenário nacional. Líder no ranking nacional neste ano, o Paraná já havia conquistado a liberação de recursos da STN para 212 municípios em 2016.
O total de investimentos repassados neste ano até agora aos municípios paranaenses (R$ 111,6 milhões) só não é mais positivo porque muitos estão com situação fiscal comprometido pela queda na arrecadação e de transferências constitucionais, o que impende o ajuste das suas contas.

Investimentos

Ratinho Junior destaca o trabalho técnico e o planejamento bem conduzido como elementos que tem garantido o suporte necessário aos municípios paranaenses. “A Secretaria de Desenvolvimento Urbano executa com competência o papel de condutora da política pública que induz o desenvolvimento”, diz.
Por meio de escritórios descentralizados, a Sedu e o Paranacidade apoiam as prefeituras na elaboração de projetos, especificações técnicas e editais de licitação. O trabalho, além de garantir os recursos aos municípios paranaenses, tem se destacado no cenário nacional e atraído a atenção de outros estados que buscam orientação com o secretário Carlos Massa Ratinho Junior.
Recentemente, técnicos do governo de Santa Catarina e da agência do BRDE catarinense buscaram com Ratinho Junior, proposta de convênio entre os dois estados para usar o modelo e a expertise da Sedu do Paranacidade, já é conhecidos em Santa Catarina e difundidos em diversos encontros de gestão pública pelo Brasil.
Para Ratinho Junior este conhecimento técnico tem auxiliado os municípios paranaenses a implantar os seus projetos, com rapidez e eficiência. “A equipe está de parabéns pela condução desse processo. É um orgulho para o Paraná este destaque e, para mim, é um privilégio liderar um trabalho que tem ajudado tantos municípios”. Acompanhe mais nas redes sociais : https://www.facebook.com/ratinhojunior/posts/1700865946592867